quinta-feira, 23 de agosto de 2007

Apeteceu-me pedir-te em casamento outra vez…



Quando acordo é para ti que vai o meu primeiro pensamento, a minha primeira oração ao Pai agradecendo pelo nosso Amor e pedindo-lhe para que este cresça cada vez mais.
Levanto-me sabendo que algures no meu dia vai haver tempo para te dizer AMO-Te e ouvir essa mesma melodia.
Trabalho e luto porque tudo faz sentido com a tua simples existência.
Sorrio sozinha quando recordo os momentos passados a teu lado e às vezes sinto saudade, mas a esperança não me deixa esmorecer.
Sonho acordada, fazendo planos para o futuro, ansiosa com os novos acontecimentos em nossas vidas.
Conto-te o meu dia e tu o teu com o entusiasmo da criança que partilha tudo com os pais.
Adormeço agradecendo mais um dia de Amor e pedindo ao nosso anjo da guarda que nos guarde e nos dê bons sonhos e bom descanso. Às vezes a falta do teu carinho me faz brotar uma lágrima de alegria pelo nosso Amor e de tristeza por não poder adormecer-te em meus braços.

Por tudo isto acho que está provado que não posso, não quero e não sei viver sem ti porque tu és a minha própria vida. Urge a urgência intrínseca e inata de querer partilhar contigo cada momento de nossas vida dedicando cada minuto um ao outro.
Após isto só me resta fazer a questão, não é mais uma questão qualquer entre muitas outras questões, é para nós, verdadeiramente A QUESTÃO:

“Queres casar comigo?”

1 comentário:

Sol disse...

SIM.
Quero ser só teu, quero ser um só contigo, quero estar sempre lá quando precisares e dar-te sempre cada vez mais razões para sorrir.
És a mulher da minha vida e quero contigo dar testemunho que o casamento não é a meta, mas sim o caminho da felicidade.
Vem comigo mostrar a todos que dentro do casamento se pode ter tudo, a mulher a amiga, a amamante, a apaixonada e a confifente.
Eu Amo-te.
SIM QUERO CASAR CONTIGO.